'Tenho aproveitado para ler bastante', conta Diego sobre recuperação de lesão

Camisa 10 rubro-negro, que faz tratamento após fratura, foi entrevistado pelo canal do clube

há 2 meses Por: Peter Jordan
Rio - Sábado (24) completa um mês de uma das fases mais difíceis da longa carreira do meia Diego, de 34 anos. Em 17 anos de carreira profissional, o camisa 10 do Flamengo nunca havia sofrido uma lesão tão grave quanto a fratura no tornozelo esquerdo, dia 24 de julho, contra o Emelec no Equador. Ele passou por cirurgia e dificilmente volta a atuar nesta temporada. Enquanto isso, torce de longe pelos companheiros.
 
"Depois do jogo do Emelec me emocionei com a homenagem (o elenco mostrou uma camisa com a mensagem #ForçaDiego). Tenho recebido várias visitas. Esse contato está sendo muito legal e importante. Ajuda muito na minha recuperação. Sou feliz na minha casa, com meus amigos e familiares, mas sou ainda mais indo ao CT, podendo treinar", disse Diego em entrevista ao canal oficial do Flamengo no 'Youtube'.
 
 
A recuperação é longa e demorada. Diego só deve voltar a treinar no CT no fim do ano, e dificilmente retorna aos gramados nesta temporada. "Estou ficando mais em casa, com os familiares. Estou recebendo muitas visitas e está sendo tudo ótimo. Claro que, assistindo aos jogos, dá vontade de sair correndo. Mas está sendo tudo novo. Nunca fiquei parado assim por tanto tempo. Tenho aproveitado para ler bastante, conversar, refletir, faço uns cursos online também", comentou o camisa 10.